Casal vai incentivar clientes a reciclar o óleo de cozinha

A Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) lançou nesta terça-feira (22) um projeto que visa constribuir com a preservação do meio ambiente. Isso porque, a partir de agora a Companhia vai estimular a população a reciclar o óleo doméstico resultante do preparo de frituras.

É chamado projeto ‘Coleta de Óleo’ e faz parte de uma das ações do programa do Biodiesel do Estado de Alagoas (Probiodiesal), que tem como objetivo contribuir na preservação do meio ambiente, reduzindo a quantidade de óleos residuais de fritura que são descartados de maneira inadequada. O projeto também visa a geração de renda para cooperativas da capital, que vão receber esse produto e negociar com uma indústria do setor químico.

A ação vai funcionar do seguinte modo: a população armazena o óleo em garrafas pets e leva até as lojas de atendimento ao cliente da Casal, localizadas nos bairros do Benedito Bentes, Farol e Centro. A partir deste mês, a fatura virá com um folder explicativo sobre a campanha.

“Quando despejado no ralo das pias, no lixo ou no solo, o óleo polui as lagoas, os rios, o mar e o lençol freático. Além disso, atrai pragas urbanas, pode entupir e danificar o encanamento do imóvel e assim causar grandes prejuízos. Se jogado no solo, este fica impermeabilizado, impedindo que a água se infiltre, agravando o problema das enchentes”, explicou a assistente social Vivianne Barbosa, da Casal. Além dela, a supervisora de Controle Ambiental da Casal, Valeska Cavalcante, também participou do lançamento do projeto.

As cooperativas que poderão receber o óleo reciclado são Cooplum, Coopvila, Cooprel e Ampita. O produto será vendido para a empresa Pratense Química a R$ 0,25 cada litro. Depois, será beneficiado para transformar-se em biodiesel.

O Projeto Coleta Óleo é de iniciativa da Secretaria de Estado do Planejamento e do Desenvolvimento Econômico (Seplande), em parceria com a Casal, o Sebrae, o Instituto do Meio Ambiente (IMA), as Secretarias de Estado da Educação e do Esporte (SEE), do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), do Trabalho, Emprego e Renda (SETER), bem como do Lions Club e de outras entidades.