CEAL e CHESF fecham ACT 2018/2019

Em assembleia realizada no dia 25 de junho, os/a trabalhadores/a da CEAL e CHESF Alagoas aprovaram, por ampla maioria de votos, a proposta da Eletrobras para o acordo coletivo 2018/2019. A proposta aprovada foi fruto de grande pressão e demonstração de poder de mobilização e negociação da categoria, através das Federações FNU e FRUNE, CNE – Coletivo Nacional dos Eletricitários e seus sindicatos filiados, que conseguiram arrancar da Eletrobras uma proposta com avanços em relação às anteriores.

Após um longo e difícil processo de negociação, que se juntou a grave ameaça de privatização que ainda paira sobre todos/a, foi aprovada a seguinte proposta, que vale por um ano:

1. Reajuste salarial de 1,69% a partir de 01/05/2018;
2. Reajuste dos benefícios em 1,69% a partir de 01/05/2018, no que couber;
3. Retirada da Cláusula Décima Oitava do ACT 2016/2018 – Política de Transferência;
4. Alteração da Cláusula Trigésima Sexta do ACT 2016/2018 – Parcelamento de Férias –  de forma a adequá-la à legislação vigente.
5. Estabelecimento de Instrumento  individual de Acordo Coletivo por empresa distribuidora, a ser firmado  com a direção de cada empresa e  com anuência da Diretoria da Eletrobras.
6. Acordo Coletivo pelo período de 12 meses (vigência de 01/05/2018 até 30/04/2019).
7. Manutenção das demais cláusulas do ACT e Termo de Compromisso 2016/2018 Nacional.
8. Renovação das Cláusulas pactuadas nos Acordos e termos específicos vigentes.

Os Urbanitários de Alagoas parabenizam a categoria pelo acordo fechado, destacando que agora a luta segue em relação a privatização das distribuidoras, que o governo golpista de Temer insiste em entregar ao capital privado.