Trabalhadores da Ceal tem dia de paralisação marcado por atividades

Ontem (19), os/as trabalhadores/as da Eletrobras Alagoas paralisaram suas atividades durante todo o dia, mantendo apenas os serviços essenciais. Pela manhã, eletricitários de todo o estado se reuniram no prédio sede da empresa para assembleia deliberativa. Já no período da tarde, os/as trabalhadores/as estiveram na Assembleia Legislativa do Estado de Alagoas para dialogar com os deputados estaduais sobre a PEC que propõe o aproveitamento de funcionários que sejam demitidos com a privatização da empresa.

Com o adiamento do leilão da Ceal para o da 28 de dezembro, a categoria deliberou por unanimidade uma nova paralisação de 48 horas a partir do dia 27 com um Ato em Defesa da Ceal, em frente à Assembleia Legislativa e no dia 28 um ato ecumênico, no prédio sede da Ceal.

Durante a assembleia, contamos com a presença de companheiros do Sindipetro, Sindicato dos Trabalhadores na Empresa de Correios e Telégrafos de Alagoas e Levante Popular da Juventude. A Federação Regional dos Urbanitários do Nordeste (Frune) foi representada pelo companheiro Raimundinho que trouxe o cenário das estatais que estão sendo privatizadas.

Pela tarde, o sindicato junto com os trabalhadores esteve na Assembleia Legislativa do Estado de Alagoas apresentando a proposta de Emenda Constitucional que visa o aproveitamento dos funcionários que sejam demitidos com a privatização da empresa que já foi estadual. A PEC precisa das assinaturas dos deputados para que seja apresentada ao plenário.

O momento pede unidade para agir!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *