15 de junho de 2022

Sindicato apresenta proposta para Banco de Horas da Pandemia

O Sindicato participou de nova reunião de negociação com a Equatorial no dia 15 de junho sobre a Escala do Centro de Operações Integradas – COI e Banco de Horas da Pandemia.

Nessa segunda reunião o Sindicato voltou a defender a proposta da empresa pagar integralmente a quem tem crédito de horas a receber. Para quem está devendo horas, que seja dado um prazo até 31 de dezembro, com um plano para essa compensação e, caso ainda restasse alguma hora a pagar em 31/12/2022 a empresa abonasse.

Infelizmente, na reunião do dia 15/06, a empresa propôs prorrogar o prazo até 31 de dezembro de 2022 no entanto, pagando apenas 10% para quem tem crédito a receber, seguindo até 31/12/2022 para compensar o restante.

Para quem deve créditos a empresa propõe que seja pago até 31/12/2022 e, caso ainda haja algum débito até esse prazo, que seja descontado dos seus salários.

O Sindicato discordou duramente dessa proposta, que prevê desconto de salários, insistindo com a empresa em manter o diálogo no sentido de se encontrar uma proposta justa.

Diante da solicitação do Sindicato para manter as negociações, a empresa marcou nova reunião para voltar a discutir o tema na próxima segunda-feira dia 20 de junho.

O Sindicato manterá a categoria mobilizada visando a busca de uma proposta aceitável a ser apresentada na próxima reunião, garantindo os direitos dos/as trabalhadores/as.

15 de junho de 2022

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *