20 de junho de 2022

Urbanitários de Alagoas entregam carta ao presidente Lula pedindo a reestatização da ELETROBRAS/CHESF

Os/as Urbanitários de Alagoas, em evento realizado no dia 17 de junho em Maceió, entregaram ao pré-candidato à presidência Luis Inácio Lula da Silva – LULA, uma carta aberta destacando o papel estratégico da ELETROBRAS pública para o desenvolvimento econômico e social do Brasil e,  reivindicando a urgente reestatização da estatal caso eleito em outubro próximo.

O documento foi entregue pelo diretor do Sindicato Lucas Nascimento, trabalhador da CHESF, que declarou “Hoje tive a oportunidade de representar a FRUNE/CNE e estar com o maior estadista brasileiro. Na oportunidade conversei sobre a reestatização da ELETROBRAS como sendo vital pro desenvolvimento de nosso país e tive a resposta que queria. A ELETROBRAS/CHESF voltará as mãos do povo brasileiro! Viva o povo brasileiro! Viva lula!”.

A carta também pede empenho em relação pelo CANAL DO SERTÃO, obra de fundamental importância para o desenvolvimento do nordeste, em especial para os pequenos agricultores, no sentido de sua manutenção como serviço público, garantindo sua vocação de assistência aos mais pobres do nordeste brasileiro.

O documento destaca que a ELETROBRAS, empresa histórica para o desenvolvimento nacional, regional, local e fronteiriço, com os melhores indicadores de robustez do setor elétrico, usinas amortizadas, capilaridade em todo território nacional, tarifas mais baixas para as famílias rurais e urbanas brasileiras, espinha dorsal da infraestrutura elétrica nacional, corpo técnico qualificado, mas que, infelizmente, o governo Bolsonaro entregou ao capital privado a preço de banana”.

A carta ressalta que “é imperioso a reestatização da ELETROBRAS, estratégica empresa brasileira, para a manutenção da soberania do nosso país, bem como para a garantia da universalização dos serviços de energia elétrica para toda a população.”

 

LEIA AQUI A CARTA NA ÍNTEGRA

 

 

 

20 de junho de 2022

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *